top of page

Raupp nega crimes e diz que vai recorrer da condenação na Lava-Jato.

Ex-senador reafirmou que condenação se deu em razão de indevida criminalização de doação legal e oficial de campanha eleitoral.
 

Revista Imagem - 11/11/2020 07:35


O ex-senador Valdir Raupp se posicionou após a decisão do STF que o condenou na operação Lava-jato a 7 anos e 6 meses de reclusão. Raupp reafirmou que a doação eleitoral em questão cumpriu a legislação vigente à época e que os recursos foram destinados integralmente ao Diretório do Partido. Ele lembrou, também, que todas as contas do Partido relacionadas a esse período eleitoral foram devidamente aprovadas.


Valdir Raupp reafirmou, ainda, que nunca fez solicitação de vantagem indevida e que sua prestação de contas, referente às eleições de 2010, foram integralmente aprovadas.


O ex-senador reiterou que conforme já demonstrado nos autos a condenação se deu em razão de indevida criminalização de doação legal e oficial de campanha eleitoral destinada ao Diretório do Partido.


O ex-senador informou que seus advogados estão providenciando os recursos previstos em lei e que mantém sua confiança inabalável na Justiça.

 

Da Redação

Comments


Russi 1
Brandão 3
Expressa 3
Recco 1
CNA 1
Souza 1
AnuncieAqui_edited.jpg
Expressa.jpg
AnuncieAqui_edited.jpg
Informe erro na matéria ou
envie sua sugestão de notícia

Mensagem enviada com sucesso! Entraremos em contato se for o caso.

ÚLTIMAS NOTÍCIAS
bottom of page