top of page

Fachin rejeita ação de Bolsonaro que impedia o STF de abrir inquéritos sem aval do MPF

Corte comanda duas investigações contra suposta organização criminosa e 'fake news'.
 

Revista Imagem - Vilhena-RO | 26/08/2021 - 08:33


O ministro do Supremo Tribunal Federal (STF) Luiz Edson Fachin mandou para a gaveta uma ação do presidente Jair Bolsonaro que questionava o artigo 43 do regimento interno da Corte. Estabelece o dispositivo que a Casa pode abrir procedimentos de investigação, mas limitados ao espaço físico do STF. O mecanismo foi utilizado pelo então presidente do tribunal, Dias Toffoli, para criar inquéritos contra supostos atos antidemocráticos e fake news.


Bolsonaro lembrou no processo que compete ao Ministério Público Federal fazer a solicitação de abertura de inquéritos. Fachin, no entanto, argumentou que o plenário do STF já validou o artigo: “A controvérsia já encontrou a devida conformação no âmbito da jurisdição constitucional concentrada no julgamento da ADPF n. 572, de minha relatoria, não se revelando mais nova ADPF como meio necessário e eficaz para sanar a lesividade alegada.”

 

Por Revista Imagem | Texto: Cristyan Costa

Comments


Russi 1
Brandão 3
Expressa 3
Recco 1
CNA 1
Souza 1
AnuncieAqui_edited.jpg
Expressa.jpg
AnuncieAqui_edited.jpg
Informe erro na matéria ou
envie sua sugestão de notícia

Mensagem enviada com sucesso! Entraremos em contato se for o caso.

ÚLTIMAS NOTÍCIAS
bottom of page