Abril Verde: ação integrada leva benefícios para trabalhadores rurais

Ações de conscientização para cuidados com saúde e segurança do trabalhador fizeram parte da programação.
 

Revista Imagem - Vilhena-RO | 28/04/2021 - 13:48


Produtores rurais de Vilhena foram conscientizados neste fim de semana quanto a aspectos da saúde e segurança do trabalhador, recebendo serviços também como testes rápidos de HIV e hepatites, vacinação contra covid-19, sarampo e influenza, atendimentos odontológicos, além de aferição de glicemia e pressão arterial. A ação acontece no sábado, 23, em alusão ao Abril Verde, na Associacao dos Pequenos Chacareiros do Setor do Aeroporto (APCSA), numa iniciativa conjunta da Prefeitura de Vilhena com Idaron (Agência de Defesa Sanitária Agrosilvopastoril do Estado de Rondônia) e Sindicato dos Trabalhadores e Trabalhadoras Rurais (STTR).

“Estivemos com a equipe de saúde do postinho Leonardo Alves, contando com dois técnicos em enfermagem, enfermeiro, residentes em enfermagem e odontologia, um agente de saúde e vacinadores. Foram realizados muitos testes rápidos e atendimentos odontológicos, algo essencial pra saúde do trabalhador do campo. Tudo que pudermos fazer para diagnosticar doenças de maneira precoce ajudará na prevenção e tratamento adequado de problemas de saúde, antes que se tornem graves”, disse a coordenadora do posto de saúde Leonardo, Mirian dos Santos.

A responsável técnica do Cerest, Arlete Toledo, garante que os trabalhadores receberam a ação com entusiasmo. “Na iniciativa foram repassadas orientações sobre a higiene bucal e também palestras sobre cuidados e prevenção à intoxicação por agrotóxicos. Destacamos as boas práticas no uso de químicos na plantação, tanto na aplicação como no consumo dos alimentos, para evitar as contaminações, muitas vezes silenciosas”, informou Arlete Toledo.

Os residentes em Farmácia também realizaram atendimentos, oferecendo medicamentos a 32 pessoas. Além disso, 48 pessoas fizeram teste rápido para detecção de Hepatites B, C e HIV, 39 pessoas fizeram teste de glicemia digital, sendo 4 diagnosticados com diabetes em tratamento.

“É um atendimento que precisa ser feito com frequência. Esses trabalhadores tem como principal meio de transporte a moto e a bicicleta, o que dificulta que venham à cidade para fazer acompanhamento contínuo. Eles pediram para marcarmos um dia como esse voltado às mulheres, além de mais orientações sobre postura na hora de trabalho para diminuir as dores no corpo, que a maioria tem. Vamos voltar aqui pois nossa intenção é manter um atendimento continuo na zona rural com as equipes de campo”, finalizou a secretária de Saúde, Weslaine Amorim.

Houve ainda rodas de conversas separadas para homens e mulheres, nas quais foram tratados assuntos voltados à higienização e cuidados íntimos, buscando orientar e garantir a saúde do trabalhador.

 

Por Revista Imagem | Fonte Semcom PMV

Russi 1
Brandão 3
Expressa 3
Recco 1
CNA 1
Souza 1
AnuncieAqui_edited.jpg
Expressa.jpg
AnuncieAqui_edited.jpg
Informe erro na matéria ou
envie sua sugestão de notícia

Mensagem enviada com sucesso! Entraremos em contato se for o caso.

ÚLTIMAS NOTÍCIAS